O nu na fotografia boudoir

boudoir / fotografia boudoir, Notícias / / 0 Comments / Curtir

O segmento Fine Art, ou fotografia boudoir, possui um grande campo temático. Tecnicamente, diversos assuntos podem ser convertidos em uma Fotografia Fine Art, por esse tipo de fotografia possuir uma grande área de abordagem que não é definida em um conceito único. A Fotografia Fine Art é uma das grandes apostas para os fotógrafos sensíveis e com muitas ideias sobre a vida e o mundo.

Foto: Danny Bittencourt
Foto: Danny Bittencourt

Suas categorias são seguidas de acordo com a preferência do fotógrafo, e é por meio dessa escolha que podemos compreender o universo, experiência e temperamento do seu criador. Uma delas, que chama muito a atenção, é o nu.

Foto: Danny Bittencourt
Foto: Danny Bittencourt

O nu artístico é sempre muito polêmico e criticado; a relação deste segmento algumas vezes é confundida com a pornografia. Após a Segunda Guerra Mundial, o nu começou a ganhar um novo viés, sendo representado na linha pictorialista, assumindo o corpo feminino como uma matéria de estudo. Quando no século XX passou a ser representado por mulheres artistas, o corpo da mulher deixou de ser visto como uma condição de objeto.

Foto: Danny Bittencourt
Foto: Danny Bittencourt

Nessa categoria, o jogo de luz e sombra é muito utilizado, dando forma às ideias e sentimentos expressados. O preto e branco são praticamente predominantes por transmitirem a textura e os contrastes. Mas o nu na fotografia Fine Art precisa demonstrar sentimento, alguma angústia ou inquietação, gerar movimento na criação. No livro Fotografia Fine Art, a autora Danny Bittencourt explica que este estilo de fotografia se expressa através da pele e da.

“As luzes e formas devem estar alinhadas para fortalecer a sensação e potencializar as ideias propostas pelo artista”, diz a fotógrafa.

Foto: Danny Bittencourt
Foto: Danny Bittencourt

Se você quiser saber mais, confira o livro Fotografia Fine Art de Danny Bittencourt. Adquira seu exemplar pela loja online da iPhoto Editora ou ligue para 0800 600 5622.


Deixe uma resposta